O uso indevido de anabolizantes na cidade de São Paulo: um estudo qualitativo

O uso indevido de anabolizantes na cidade de São Paulo: um estudo qualitativo

Título alternativo Anabolic androgenic steroids misuse in São Paulo city: a qualitative study
Autor Lobo, Ana Paula Timm Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: O objetivo deste estudo foi investigar as razoes, implicacoes e padroes de uso de Esteroides Anabolizantes Androgenicos, por jovens nao atletas. Metodologia: Utilizando-se dos principios de uma investigacao qualitativa, foram entrevistados 40 usuarios/ex-usuarios (nao atletas) de anabolizantes. Utilizou-se, para tanto, um questionario semi-estruturado, elaborado com base em entrevistas realizadas com Informantes-chave (pessoas que possuem um conhecimento especifico sobre a populacao em estudo). A amostragem utilizada foi intencional e por criterios. A amostra foi obtida atraves da tecnica de bola-de-neve e o tamanho da mesma foi determinado pela saturacao teorica das informacoes, ou seja, as entrevistas nao mais acrescentavam dados novos aos ja adquiridos. Resultados e Conclusoes: Os homens jovens sao os principais usuarios de anabolizantes, utilizando-os em quantidades maiores que as terapeuticas e combinando multiplos anabolizantes. Utilizam essas drogas em ciclos e determinam a dose usando estrategias que denominam piramide ou stack. Personalidade narcisista e pressoes sociais os levam a consumir anabolizantes a despeito dos efeitos adversos que podem desenvolver. Ginecomastia, alteracao da libido, diminuicao da imunidade, reducao do volume espermatico, problemas dermatologicos, cardiovasculares, agressividade e violencia sao os efeitos mais citados. Apesar de nao se identificar uma dependencia do tipo classica, semelhante aquela desenvolvida pelo uso de cocaina, alguns consumidores cumprem os criterios do DSM-IV para tal. Dismorfia corporal e comum entre eles, quando passam a acreditar que sao franzinos apesar de na verdade serem musculosos. A desinformacao sobre os efeitos dos anabolizantes piora ainda mais a situacao desses consumidores. Nem a ilegalidade na forma de obtencao, nem o potencial de desenvolvimento de efeitos adversos parecem deter o uso nao medico de anabolizantes por esses jovens
Palavra-chave Anabolizantes
Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias
Idioma Português
Data de publicação 2002
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2002. 94 p. ilustab.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 94 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17842

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta