Minicraniotomia supra-orbitaria e a neuroendoscopia

Show simple item record

dc.contributor.author Fernandes, Yvens Barbosa [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2015-12-06T23:02:02Z
dc.date.available 2015-12-06T23:02:02Z
dc.date.issued 2001
dc.identifier.citation São Paulo: [s.n.], 2001. 71 p. ilus.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17835
dc.description.abstract A leucemia linfoide cronica (LLC), e neoplasia clonal de celulas B, caracteristicamente de evolucao insidiosa, onde o acumulo de linfocitos ocorre nao pelo indice de proliferacao acentuado, mas pela inibicao da apoptose. Objetivos: Averiguar as proteinas determinantes da apoptose: p53; bcl-2; bax; bag-1 e mcl-1 em linfocitos de portadores de LLC In natura, e apos incubacao com fludarabina e correlacionar a expressao destas proteinas com o grau de apoptose; com o estadiamento clinico de Rai modificado, o tempo de duplicacao linfocitaria (TDL) e a presenca ou ausencia de tratamento previo. Metodos: Antes e apos incubacao com fludarabina por 48 horas foram determinadas por citometria de fluxo, as expressoes das proteinas p53, bcl-2, bax, bag-1, mcl-1 e anexina em celulas linfomononucleares separadas por gradiente de densidade. As subpopulacoes viavel e apoptotica foram identificadas a citometria atraves do tamanho, complexidade e co-expressao de CD5 e CD20. O grau de apoptose nas 2 subpopulacoes foi confirmado pela expressao da anexina. Foi feita analise de variancia da expressao das proteinas entre o sistema de estadiamento de Rai modificado, o tempo de duplicacao linfocitaria e a presenca ou ausencia de tratamento previo nas 2 subpopulacoes. Foi feita analise de correlacao entre as expressoes das proteinas e a expressao da anexina. Foram utilizados os testes de Mauchly, a ANOVA one way e o coeficiente de Pearson para as analises estatisticas. Resultados e Conclusoes: A divisao da populacao linfocitaria em subpopulacoes viavel e apoptotica a citometria de fluxo, forneceu subsidios importantes no estudo do comportamento das proteinas, tais como: 1) A proteina p53 foi regulada positivamente apos exposicao a fludarabina; 2) A proteina bax foi importante indutora de apoptose na subpopulacao responsiva a fludarabina; 3) A proteina bcl-2 apresentou acao anti-apoptotica na LLC, mas o indice bcl/bax refletiu melhor o comportamento celular na apoptose, por considerar tambem a influencia da bax; 4) A proteina mcl-1 apresentou-se aumentada entre as celulas resistentes a incubacao com fludarabina e pode ser uma das responsaveis pela inibicao da apoptose na LLC; 5) A proteina bag-1 apresentou alta expressao na subpopulacao de celulas viaveis na LLC, e foi a que mais se relacionou com a persistencia da viabilidade celular apos incubacao com fludarabina;...(au) pt
dc.format.extent 71 p.
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso restrito
dc.subject Base do Crânio pt
dc.subject Endoscopia pt
dc.subject Aneurisma pt
dc.subject Neoplasias pt
dc.title Minicraniotomia supra-orbitaria e a neuroendoscopia pt
dc.title.alternative Supraorbital minicraniotomy and neuroendoscopy en
dc.type Dissertação de mestrado
dc.identifier.file epm-017737.pdf
dc.description.source BV UNIFESP: Teses e dissertações
unifesp.campus Universidade Federal de São Paulo, Escola Paulista de Medicina pt



File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search


Browse

Statistics

My Account