A Saúde mental no nordeste da Amazônia: estudo de pescadores artesanais

A Saúde mental no nordeste da Amazônia: estudo de pescadores artesanais

Título alternativo The mental health in the northeast of the Amazon region: study of the artisan fishermen
Autor Bezerra, Benedito Paulo Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Jorge, Miguel Roberto Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Psiquiatria e Psicologia Médica – EPM
Resumo Este estudo tem como foco principal a Saúde mental de pescadores artesanais de Vigia-PA, municipio localizado no nordeste da Amazonia cuja atividade economica mais importante e a pesca. Sua realizacao visou a atingir os seguintes objetivos: a) determinar a prevalencia de transtornos mentais em pescadores artesanais no municipio de Vigia; b) comparar a prevalencia dos transtornos mentais da populacao de pescadores com a populacao de nao pescadores do mesmo municipio; c) correlacionar as variaveis demograficas com os diferentes transtornos mentais. Os transtornos mentais foram identificados atraves do Composite International Diagnostic interview (CIDI) aplicado a duas amostras (221 homens pescadores e 230 homens moradores nao pescadores). A estimativa geral de prevalencia para as duas amostras foi de 21,7 por cento e a distribuicao das prevalencias por diagnostico da CID 10 apresentou o seguinte quadro: tabagismo (17,3 por cento), uso abusivo do alcool (9,5 por cento) e dependencia do alcool (4,4 por cento), uso abusivo e dependencia de cannabis (1,6 por cento), uso abusivo e dependencia de cocaina (0,4 por cento), esquizofrenia (1,6 por cento), transtorno delirante (1,6 por cento), mania (0,4 por cento), transtorno bipolar (0,4 por cento), distimia (1,6 por cento), agorafobia (2,0 por cento), ansiedade generalizada (0,4 por cento), somatizacao (0,2 por cento), transtorno doloroso somatico persistente (4,4 por cento), transtorno motor dissociativo (0,4 por cento), anestesia e perda sensorial dissociativa (0,9 por cento) e transtorno de estresse pos-traumatico (6,4 por cento). Foram encontrados mais diagnosticos na amostra dos pescadores do que na amostra dos moradores nao pescadores tanto na vida como no ultimo ano p<0,001. O fator associado mais importante a apresentar um transtorno mental entre o conjunto das variaveis consideradas foi ser pescador. Constatou-se uma proporcao maior de associacoes entre os diagnosticos identificados na amostra dos pescadores artesanais e as variaveis demograficas do que entre as patologias encontradas na amostra dos moradores nao pescadores e as variaveis consideradas no estudo. Esses resultados refletem uma realidade epidemiologica mais grave para os pescadores artesanais, enfatizando a preocupacao central do estudo: a Saúde mental dos pescadores artesanais, grupo social de grande relevancia na regiao

The main focus of this study is the mental health of artisan fishermen in Vigia-PA, a small town which lies in the northeast of the Amazon region and whose most important economical activity is fishing. The aim is to achieve the following objectives: a) to determine the prevalence rate of mental disorders in artisan fishermen in Vigia; b) to compare the prevalence rate of the mental disorders in fishermen with the prevalence rate found in the non fishermen inhabitants; c) to correlate the demographic variables with the mental disorders measured in the study. The diagnosis of the psychiatric disorders were determined by means of the Composite International Diagnostic Interview (CIDI), used in two samples (221 male fishermen and 230 male non fishermen inhabitants). The general prevalence rate estimated for the two samples was 21,7% and the distribution of the prevalence rates according to the CID 10 was the following: smoking (17,3%), alcohol abuse (9,5%) and alcohol addiction (4,4%), cannabis abuse and addiction (0,4%), schizophrenia (1,6%), delusional disorder (1,6%), mania (0,4%), bipolar disorder (0,4%), dysthymia (1,6%), agoraphobia (2,0%), general anxiety (0,4%), somatization (0,2%), persistent painful somatic disorder (4,4%), dissociative motor disorder (0,4%), anesthesia and dissociative sensorial loss (0,9%) and post-traumatic stress disorder (6,4%). The fishermen presented more mental disorders than the non fishermen inhabitants both in “lifetime” and “within the preceding year” (p < 0,001). Among the variables in question the most relevant associated factor to the presence of mental disorder was “beeing a fisherman”. “A higher proportion of associations between the identified diagnosis in the artisan fishermen sample and the demographic variables was observed than the disorders found in the nonfishermen sample and the variables concerning the study. Such results reflect a more serious epidemiological reality in the artisan fishermen , emphasizing the central concern of the research: the mental health of artisan fishermen, a social group who is very relevant in this region
Assunto Transtornos Mentais/epidemiologia
Psiquiatria
Idioma Português
Data 2002
Publicado em BEZERRA, Benedito Paulo. A Saúde Mental no Nordeste da Amazônia: estudo de pescadores artesanais. 2002. 98 f. Tese (Doutorado) – Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo, São Paulo, 2002.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 86 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17826

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: Tese-6976.pdf
Tamanho: 2.541Mb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)