Estudo da atividade sanguínea na ciclooxigenase-2 na carcinogênese colorretal induzida na vigência de antiinflamatório não esteroide: estudo experimental em ratos

Estudo da atividade sanguínea na ciclooxigenase-2 na carcinogênese colorretal induzida na vigência de antiinflamatório não esteroide: estudo experimental em ratos

Título alternativo Blood activity of cyclooxygenagese-2 in the colorectal inducible carcinogenesis using non steroid anti-inflammatory: experiemental study in rats
Autor Larangeira, Lino Luis Sanches Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Monteiro, Edna Frasson de Souza Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Múltiplos estudos tem evidenciado que o uso contínuo de antiinflamatórios nao esteróides (AINES) diminuem o risco de câncer de cólon em humanos e nos animais com carcinogênese induzida. A prostaglandina E2 (PGE2) está implicada em diversos estágios da progressao do câncer de cólon, expressando a atividade da ciclooxigenase-2 (COX-2). Este trabalho foi realizado no sentido de avaliar a atividade da COX-2 na carcinogênese induzida com AINES. Foram utilizados 44 ratos wistar isogênicos divididos em quatro grupos. A carcinogênese colorretal foi induzida pelo azoximetano e o antiinflamatório utilizado foi o nimesulide, com adiçao de 775ppm por kilo de raçao no grupo 111 e 1150ppm por kilo de raçao no grupo IV. Seis meses após o término das injeçoes do carcinógeno foi realizada a eutanásia do animal, seguido de análise das lesoes tumorais e reserva de plasma de cada animal em eppendorf a -80 graus para análise da atividade da COX-2 pela quantificaçao da PGE2. Todos os animais apresentaram um peso significantemente maior que o inicial. Foi verificado que 94,4 por cento das lesoes se apresentavam nos animais do grupo Il, sem o nimesulide, enquanto apenas uma lesao (5,6 por cento) foi encontrada no intestino dos animais que receberam o nimesulide. Do total de lesoes encontradas 94,44 por cento se encontravam no cólon e 55,6 por cento possuíam tamanho entre 5 e 10 mm. Das lesoes encontradas 88,8 por cento eram neoplásicas. A atividade da enzima ciclooxigenase-2 no sangue de ratos com carcinogênese induzida foi significantemente maior nos animais sem o uso de nimesulide e com grande número de lesoes tumorais enquanto nos animais com o uso de nimesulide e apenas uma lesao tumoral a atividade da COX-2 foi menor. Foi concluído que a atividade da COX-2 está elevada na carcmogênes induzida sem o uso de antiinflamatório e que o nimesulide apresentou atividade quimiopreventiva na carcinogênese colorretal induzida.
Palavra-chave Neoplasias do colo/cintilografia
Anti-Inflamatórios
Prostaglandina-endoperóxido sintases
Ratos
Azoximetano
Idioma Português
Data de publicação 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 58 p. ilustabgraf.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 58 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17666

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta