Resultados do tratamento cirúrgico da siringomelia associada à malformação de Chiari: análise de 60 casos

Resultados do tratamento cirúrgico da siringomelia associada à malformação de Chiari: análise de 60 casos

Título alternativo Analyzes the results from treatment in 60 patients suffering from syringomyelia ssocieted with Chiari malformation
Autor Arruda, Jose Arnaldo Motta de Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Tella Júnior, Oswaldo Inácio de Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O autor analisa os resultados do tratamento cirurgico de 60 pacientes _com a associacao de siringomielia e malformacao de Chiari operados no periodo de 1982 a 2000. Esses pacientes fazem parte de um universo de 129 pacientes com malformacao ao nivel da charneira occipitocervical, a saber impressao basilar elos malformacao de Chiari, com ocorrencia simultanea dessas malformacoes com a siringomielia em 46,5 por cento dos casos. A idade media dos pacientes foi de 36,5 anos com extremos de 15 e 58 anos. Trinta e dois pacientes eram do sexo feminino e 28 do sexo masculino. Os sintomas iniciais mais frequentes foram a dificuldade para realizar trabalhos simples com as maos, que ocorreu em 51,6 por cento dos casos, e a dor cervical, apresentada por 26,6 por cento dos pacientes. O tempo medio de evolucao da doenca foi de 6,2 anos. Em cada caso foram analisados 15 sinais e 16 sintomas incluido; em um protocolo que separou os sinais e sintomas decorrentes da siringomielia do: sinais e sintomas decorrentes da malformacao de Chiari. Paralelamente ao protocolo, foi elaborado um sistema de pontuacao que facilitou a avaliacao dos resultado: do tratamento. O tratamento cirurgico foi adotado quando se evidenciou a piora clinica dos pacientes. Todos os casos foram submetidos a descompressao cranio vertebral com laminectomia de C1 e C2, e tonsilectomia cerebelar com plastica de dura-mater. Nove pacientes submeteram-se a fixacao occipitocervical, e 3 desses pacientes foram submetidos a resseccao transoral do processo odontoide do axis. Um paciente foi submetido a um segundo procedimento com derivacao siringopleural. A complicacao cirurgica mais frequente foi a pseudomeningocele que ocorreu em 23,3 por cento dos casos. Nao houve obitos nos pacientes deste estudo. Para avaliacao dos resultado; foram aplicados os testes estatisticos de diferenca de proporcoes e analise de variancia com confiabilidade de 95 por cento (p = 0,05). Conclui-se que os sinais e sintomas da malformacao de Chiari apresentam melhora estatistica muito significativa. Os sinais e sintomas decorrentes da siringomielia tambem apresentam melhora significativa, sendo o sinal atrofia muscular o que menos melhorou. A excecao foi o sinal hiporreflexia de membros superiores que nao melhorou. Quanto aos sinais e sintomas atribuidos tanto a siringomielia quanto a malformacao de Chiari, somente a hiperreflexia de membros...(au)
Palavra-chave Siringomielia
Malformação de Arnold-Chiari/cintilografia
Cirurgia geral
Idioma Português
Data de publicação 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 193 p. ilustabgraf.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 193 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17627

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta