Aspectos cognitivos da esclerose múltipla

Aspectos cognitivos da esclerose múltipla

Título alternativo Cognitive aspects of multiple sclerosis
Autor Andrade, Vivian Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Bueno, Orlando Francisco Amodeo Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo A EM é uma doença heterogênea, investigamos sua classificaçao como demência subcortical. Após uma série de cuidado metodológicos, encontramos na amostra investigada (58 pacientes) um índice entre 5 por cento 17 por cento de pacientes com um possível quadro demência observado a partir de definiçoes e critérios encontrados na literatura. A alteraçoes mais freqüentes foram de memória, funçoes executivas e em menor grau habilidades visuo-construtivas. Nao foram encontrad2 alteraçoes do pensamento, no juízo e na crítica. Observamos ainda que cerca de 40 por cento dos pacientes apresentavam alteraçoes de humor. Em outro estudo com 14 portadores, realizado a partir d comparaçao de duas avaliaçoes neuropsicológica: feitas com um intervalo médio de 4 anos, observamos que o declínio cognitivo pode ocorrer de forma lenta e sutil, atingindo principalmente memória; processos atencionais e de informaçoes.
Palavra-chave Esclerose múltipla
Testes Neuropsicológicos
Memória
Demência
Cognição
Idioma Português
Data de publicação 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 118 p. tabgraf.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 118 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17532

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta