Vias centrais e mecanismos periféricos envolvidos nos ajustes cardiovasculares provocados pela estimulação elétrica hipotalâmica

Vias centrais e mecanismos periféricos envolvidos nos ajustes cardiovasculares provocados pela estimulação elétrica hipotalâmica

Título alternativo Central pathways and peripheral mechanisms involved in the cardiovascular adjustments produced by hypothalamic eletrical stimulation
Autor Ferreira Neto, Marcos Luiz Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Cravo, Sergio Luiz Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Dentre os numerosos tipos de comportamentos emitidos pelos mamiferos aqueles relacionados com a defesa do organismo ou o ataque tem recebido especial atencao dos investigadores, provavelmente pela sua importancia, obvia, na defesa da integridade do individuo e preservacao da especie ou pelo fato destes comportamentos estarem presentes em toda a escala animal. Em animais anestesiados a EE do hipotalamo produz um padrao de ajustes cardiovasculares caracterizado por hipertensao arterial, taquicardia, vasodilatacao muscular e vasoconstricao mesenterica, entretanto, as vias centrais e os mecanismos perifericos envolvidos nestes ajustes cardiovasculares ainda nao foram completamente esclarecidos. O presente estudo teve como objetivo 1) caracterizar as vias neurais e os mecanismos perifericos responsaveis pela redistribuicao de fluxo sanguineo produzidas pela EE do hipotalamo e 2) avaliar a participacao dos nucleos vasomotores da superficie rostro ventrolateral do bulbo nos ajustes cardiovasculares promovidos pela EE do hipotalamo. Todos os experimentos foram realizados em ratos Wistar (N=59), pesando entre 250 e 350 g. anestesiados com pentobarbital sodico (40 mg/kg, i.v.) A arteria carotida e a veia jugular foram canuladas para o registro da pressao arterial e infusao de drogas respectivamente. O fluxo sanguineo aos membros posteriores e visceral foi registrado por Fluxometria Doppler, por meio de sondas miniaturizadas implantadas na arteria aorta abdominal e mesenterica superior respectivamente, sendo expressos como a variacao percentual do valor basal. A condutancia vascular de cada leito foi calculada pela razao pressao fluxo e tambem expressa como a variacao percentual. A estimulacao hipotalamica foi obtida por meio de eletrodos unipolares, com pulsos quadrados de 0,5 ms de duracao, 100 Hz de frequencia, intensidade de 150 mA e 6 s de duracao. As microinjecoes no RVL eram realizadas atraves de micropipetas. Ao final de cada experimento os locais de estimulacao ou de microinjecao eram marcados; os animais eram sacrificados e perfundidos via transcardiaca e o encefalo retirado para analise histologica. Os dados foram expressos na forma de media n erro padrao da media. Na comparacao entre os valores basais e as respostas cardiovasculares a E no periodo controle e durante o periodo experimental entre dois grupos foram =paradas utilizando-se teste t pareado. Quando comparados mais de 2 grupos ou situacoes experimentais foram comparados utilizando analise...(au)
Palavra-chave Hipotálamo
Bulbo
Fluxo Sanguíneo Regional
Idioma Português
Data de publicação 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 123 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 123 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17490

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta