Estudo clínico de glomerulosclerose segmentar e focal primária

Estudo clínico de glomerulosclerose segmentar e focal primária

Título alternativo Clinical trial of primary focal segmental glomerulosclerosis
Autor Abreu, Patricia Ferreira Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Pereira, Aparecido Bernardo Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Nas duas ultimas decadas poucos aspectos clinicos relacionados as glomerulopatias foram elucidados: entretanto, com a glomeruloesclerose segmentar e focal ocorreram algumas mudancas referentes a epidemiologia, a histologia, a patogenese e ao tratamento. Em virtude desses novos aspectos relacionados a GESF, nos realizamos um estudo retrospectivo e prospectivo para avaliar os aspectos epidemiologicos e clinicos em 78 pacientes portadores de GESF primaria. A idade media (nDP) dos individuos foi de 38 (n14) anos, sendo 54 por cento do sexo masculino e 68 por cento da raca branca. Na epoca do diagnostico sindrome nefrofica esteve presente em 57 por cento dos casos e HAS em 45 por cento. Hematuria e leucocituria foram detectadas em 68 por cento e 58 por cento dos pacientes, respectivamente. A media (nDP) da creatinina serica inicial foi de 1,6 (n1,0) mg/dl e em 26 por cento dos pacientes foi observado valores acima de 2,0 mg/dl. O tempo mediano do inicio dos sintomas ate a realizacao da biopsia renal foi de cinco meses e o tempo de seguimento foi de 19 meses com variacao de tres a 221 meses. Na analise das biopsias renais nenhum caso de GESF colapsante foi identificado. Cinquenta e oito pacientes foram submetidos a tratamento com imunossupressao observando-se 29 por cento de remissao completa, 16 por cento de remissao parcial e ausencia de resposta em 55 por cento dos casos. Nenhum paciente evoluiu com remissao espontanea. Na analise univariada os parametros clinicos e morfologicos nao influenciaram significantemente na resposta ao tratamento. A probabilidade de manutencao da funcao renal em 5 anos, nos pacientes responsivos e nao responsivos, foi de 90 por cento e 50 por cento, respectivamente. Considerando apenas os pacientes com remissao completa, observamos que apenas um portador de HAS, evoluiu com perda de funcao renal. Em 15 anos, a sua creatinina havia se elevado de O,7 mg/dl para 1,7 mg/dl. Baseados apenas em dados clinicos foram detectados oito pacientes (1O por cento) com historia familiar de doenca renal. Nao foi observada qualquer diferenca clinica entre o grupo com, GESF familiar e o grupo sem historia familiar, exceto pela creatinina serica que foi inferior na forma familiar. Dos oito individuos, cinco foram submetidos a tratamento com corticoide por um periodo que variou de quatro a 24 semanas; apenas uma paciente obteve remissao parcial. Durante o seguimento, que variou entre seis a 105 meses, tres pacientes foram...(au)
Palavra-chave Glomerulosclerose segmentar e focal
Epidemiologia
Prognóstico
Idioma Português
Data de publicação 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 93 p. tab.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 93 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17143

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta