Diversidade genética do vírus da imunodeficiência adquirida do tipo 1 (HVI-1): uma abordagem de casos e grupos populacionais

Diversidade genética do vírus da imunodeficiência adquirida do tipo 1 (HVI-1): uma abordagem de casos e grupos populacionais

Título alternativo Human imunodeficiency virus type 1 (HIV-1) genetic diversity: an approach of cases and population groups
Autor Oliveira, Carlos Fernando de Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Farhat, Calil Kairalla Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Esta tese e composta por quatro trabalhos de epidemiologia molecular do HIV-1 No primeiro trabalho, relatamos o caso de um paciente exposto a sangue contaminado por HIV-1 de dois diferentes doadores. Utilizando a amplificacao por PCR das regioes tat e V3 do env do HIV-1 e posterior analise por sequenciamento do DNA e/ou analise da mobilidade dos heteroduplexes (HMA), encontramos evidencias de que este tenha se infectado por apenas um destes doadores. No segundo estudo, usamos a HMA do primeiro exon do gene tat para tracar relacoes epidemiologicas entre individuos infectados pelo HIV-1. Uma serie de paineis compostos de amostras foi usada para comparar a HMA intra-pacientes, intra-grupos e entre os grupos , demonstrando que este metodo era suficientemente especifico para ser utilizado como uma triagem de parentesco entre os virus isolados de diferentes individuos. No terceiro estudo, 551 amostras de doadores ou receptores de derivados de sangue detectadas como HIV positivas nos EUA foram submetidas a HMA e sequenciamento do DNA, para determinacao de prevalencia dos diferentes subtipos do grupo M do HIV-1. 535 tiveram seu subtipo determinado: Tres doacoes pre-triadas foram designadas como subtipos nao B (2 As, l C). No ultimo trabalho, descrevemos um caso no qual reatividade transitoria do ELISA de HIV l e 2 de terceira geracao e um resultado indeterminado no Western blot foram detectados em uma amostra de sangue coletada de uma profissional de Saúde duas horas apos ter sido exposta a sangue HIV positivo. Demonstramos com estudos de sequenciamento e HMA que a profissional havia, de fato, se infectado no momento do referido acidente
Palavra-chave HIV
Síndrome de imunodeficiência adquirida
Transmissão de doença infecciosa
Dinâmica populacional
Epidemiologia molecular
Idioma Português
Data de publicação 2000
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2000. 109 p. tabgraf.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 109 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16981

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta