Vitiligo: areas tratadas por enxertia com raspados cutaneo e estudo da reacao de polimerase em cadeia de RNA mensageiro de tirosinase por transcritase reversa

Vitiligo: areas tratadas por enxertia com raspados cutaneo e estudo da reacao de polimerase em cadeia de RNA mensageiro de tirosinase por transcritase reversa

Título alternativo Vitiligo: grafting areas with skin curettage and study of mRNA chair polymerase reaction by transcriptase
Autor Machado Filho, Carlos D'Apparecida Santos Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Quarenta pacientes com vitiligo - 22 com vitiligo generalizado 16 com vitiligo segmentar e dois com vitiligo peri-nevico submeteram-se a enxertos de pele com uma nova tecnica de implante (por raspagem cutanea) de execucao simples. Estudou-se o comportamento da RTPCR de RNAM em areas de vitiligo antes e apos curetagem ou enxertia de pele. Para analise quantitativa de melanocitos empregou-se a contagem de celulas claras. Observou-se na evolucao que as areas tratadas com enxertia apresentaram 1OO por cento de repigmentacao a partir do 30º dia, enquanto as areas controle apresentaram pigmentacao discreta a partir do 4º mes sem significancia clinica. Observou-se o aumento estatisticamente significante do numero de melanocitos nas areas enxertadas e aumento sem significancia estatistica nas areas controles. A RT-PCR de RNAM de tirosinase mostrou-se negativa em 93,75 por cento das 32 areas de vitiligo examinadas previamente. Nao se observaram diferencas estatisticamente significantes entre a positividade da RTPCR nas areas enxertadas (1OO por cento) e nas areas controle curetadas (82,4 por cento).Conclui-se da analise dos resultados que a tecnica de enxertos Proposta se mostra eficaz na inducao da repigmentacao atraves da adicao de melanocitos e que mesmo em individuos portadores de vitiligo de longa duracao, permanecem celulas inativas capazes de produzir RNAM de tirosinase apos estimulo adequado
Palavra-chave Vitiligo/cirurgia
Vitiligo/terapia
Reação em Cadeia da Polimerase
Transplante de Pele
Monofenol Mono-Oxigenase
Idioma Português
Data de publicação 2000
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2000. 191 p. ilustab.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 191 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16856

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta