Alteracoes cognitivas e de fluxo sanguinea cerebral decorrentes do envelhecimento normal: estudo dos efeitos do extrato seco de Ginkgo biloba

Alteracoes cognitivas e de fluxo sanguinea cerebral decorrentes do envelhecimento normal: estudo dos efeitos do extrato seco de Ginkgo biloba

Título alternativo Alterations in cognition and cerebral blood flow due to normal aging: a study of the effects of dry extract of Ginkgo biloba
Autor Santos, Ruth Ferreira Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Com o envelhecimento o organismo passa por diversas alteracoes as quais sao percebidas por seu carater deleterio e por seu efeito cumulativo. As funcoes cognitivas sofrem um rebaixamento global e diferenciado. Global por acometer diferentes funcoes e, diferenciado por atingir, sobretudo, funcoes motoras alem de funcoes verbais relacionadas em algum aspecto a memoria e atencao. A avaliacao de diferentes tipos de memoria, demonstrou que a memoria de longo prazo se encontra prejudicada, enquanto a memoria de curto prazo se encontra preservada. Funcoes superiores tambem se encontram prejudicada quando comparados os grupos jovens e idosos, demonstrando um aumento no numero de perseveracoes, uma maior dificuldade de integracao de informacoes do segundo grupo. A analise estatistica demonstrou que o aumento da viscosidade do sangue correlaciona-se negativamente com o desempenho cognitivo, indicando prejuizos de funcoes, a reducao na perfusao cerebral, tambem correlaciona-se negativamente (com o tempo ou erros em realizar uma tarefa) e positivamente com os escores obtidos nos testes, indicando deficits, porem nao foram encontradas correlacoes significativas entre perfusao cerebral e viscosidade do sangue, indicando que embora o aumento da viscosidade do sangue possa contribuir para uma dificuldade de irrigacao, esta per se nao determina o fluxo de sangue no cerebro. Na tentativa de minimizar, se nao reverter, os efeitos degenerativos e progressivos do envelhecimento utilizou-se o extrato seco de Ginkgo biloba, o qual vem sendo muito utilizado atualmente, e para os mais diferentes fins. A administracao cronica de Ginkgo biloba reverteu os efeitos do envelhecimento sobre a viscosidade do sangue, reduzindo-a de forma significativa. Tambem contribuiu para um aumento no Fluxo Sanguineo regional Cerebral em areas corticais, alem da melhora cognitiva, aumentando a capacidade de fixacao, na memoria de longo prazo; melhorando a atencao; reduzindo os prejuizos cognitivos referentes a funcoes frontais, como reducao no indices de perseveracoes, aumento da capacidade de integracao de informacoes
Palavra-chave Cognição
Fluxo Sanguíneo Regional
Viscosidade Sanguínea
Ginkgo biloba
Envelhecimento
Idioma Português
Data de publicação 1999
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1999. 220 p. ilustab.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 220 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16563

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta