Avaliação do ângulo ano-retal por meio de defecograma em voluntárias assintomáticas sem e com trauma pélvico pelo parto

Avaliação do ângulo ano-retal por meio de defecograma em voluntárias assintomáticas sem e com trauma pélvico pelo parto

Título alternativo Evaluation of the anorectal angle by defecography in asymptomatic volunteers without and pelvic childbirth trauma
Autor Santos, José Eduardo Mourão Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Szejnfeld, Jacob Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O defecograma e o estudo radiografico contrastado do reto e canal anal para a analise dos mecanismos e estruturas envolvidos no processo evacuatorio. Entre os resultados deste exame, tem merecido especial atencao por parte dos autores a medida do angulo ano-retal. A maior indicacao do defecograma reside na avaliacao radiografica das disfuncoes ano-retais. Observamos uma escassa referencia na literatura mundial revisada concernente ao efeito do trauma de parto no angulo ano-retal. Elaboramos um protocolo com dois objetivos principais: comparar as medidas dos angulos ano-retais avaliados em dois grupos, constituidos por pacientes nuliparas e multiparas, bem como, comparar as medidas dos angulos ano-retais em repouso, durante a contracao da musculatura pubo-retal e glutea e em esforco evacuatorio. Foram realizados defecogramas em 30 voluntarias assintomaticas, 15 nuliparas e 15 multiparas, no periodo de maio de 1997 a dezembro de 1998. O estudo constou de incidencias radiograficas, em perfil do reto e do canal anal durante o repouso, na contracao da musculatura pubo-retal e glutea e no esforco evacuatorio. Os angulos ano-retais foram mensurados em todas as incidencias e calculada a media para cada grupo de voluntarias A media do angulo ano-retal nao apresentou diferenca significante entre as voluntarias nuiiparas e multiparas. Nas nuliparas, a media foi de 930 em repouso, 790 durante a contracao da musculatura pubo-retal e glutea e 1180 em esforco evacuatorio. Nas multiparas, foi de 940 em repouso, 800 na contracao da musculatura pubo-retal e glutea e 1210 em esforco evacuatorio. Observou-se diferenca significante entre os angulos ano-retais nas diversas incidencias radiograficas
Palavra-chave Humanos
Feminino
Defecografia
Canal anal
Defecação
Pelve
Idioma Português
Data de publicação 1999
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1999. 79 p. ilus., tab.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 79 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16199

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta