Tendencia da mortalidade por doenca isquemica do coracao e de seus determinantes

Tendencia da mortalidade por doenca isquemica do coracao e de seus determinantes

Título alternativo Ischaemic heart disease and its determinants'mortality trend: a time ecological study, municipaty of São Paulo, 1941-1996
Autor Schenkman, Simone Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo A participacao crescente da doenca isquemica do coracao (DIC) na mortalidade na primei metade do seculo XX, no mundo ocidental, fez com a doenca fosse conhecida como a epidemia do seculo. Os principais fatores de risco para a doenca - classicamente, a dieta rica em gordura saturada, niveis altos de colesterol serico, hipertensao arterial e tabagismo teriam como elemento principal a dieta, potencializando os demais fatores. As doencas d sociedade , como os homicidios, suicidios e o alcoolismo, tambem merecem destaque na genese da DIC. Com o objetivo de analisar as tendencias de mortalidade por DIC e seu determinantes, foi realizado estudo ecologico de serie temporal, no municipio de Sao Paul de 1941-1996. As variaveis independentes escolhidas foram as taxas de mortalidade, n mesmo periodo, dos seguintes agravos: cancer de mama, colon e reto (consumo de gordura total, saturada e razao poliinsaturada/saturada); cancer de estomago (consumo de sal) cancer de pulmao (tabagismo); doenca cronica do figado e cirrose (alcoolismo); homicidios suicidios. Os dados foram analisados por sexo e faixa etaria, atraves do estudo de correlacao e de regressao linear multipla. Os modelos finais de regressao linear multipla, por sexo, para a populacao adulta, padronizados pela estrutura etaria da populacao do municipio de São Paulo de 1960, foram estatisticamente significantes (F<O,0001) e apresentaram coeficientes de determinacao da ordem de 70 por cento . Para o sexo masculino, permaneceram no modelo as taxas de mortalidade por cancer de traqueia, bronquios e pulmao e por causas relacionadas ao alcool (coeficientes positivos), alem de homicidios e cancer de estomago (coeficientes negativos). As taxas de cancer de traqueia, bronquios e pulmao aumentaram com a idade, sugerindo um efeito coorte de nascimento Na faixa de 70 anos ou mais, foi encontrada associacao importante com as taxas de mortalidade por cancer de estomago, sugerindo que a diminuicao no consumo de sai tenha contribuido para o declinio das taxas de mortalidade por DIC. Para a populacao adulta feminina (taxas padronizadas), as seguintes variaveis permaneceram no modelo: taxas de mortalidade por cancer de mama e reto; por cancer de pulmao e homicidios. O consumo de gordura saturada e de alcool, mais precocemente, e de gordura total, mais tardiamente, combinado ao tabagismo, ao alcoolismo e aos homicidios, determinam grande impacto na mortalidade feminina por DIC
Palavra-chave Isquemia Miocárdica
Epidemiologia
Mortalidade
Idioma Português
Data de publicação 1999
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1999. 152 p. ilus., tab.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 152 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16160

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta