Sensibilidade a antimicrobianos de bacterias anaerobicas estritas pelo metodo de E-Test

Sensibilidade a antimicrobianos de bacterias anaerobicas estritas pelo metodo de E-Test

Título alternativo Antimicrobial susceptibility testing od anaerobic bacteria by de E-Test method
Autor Silva, Licia de Queiroz Campos Deveza e Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo A sensibilidade de 70 amostras clinicas, oriundas da cavidade abdominal de pacientes da Santa Casa de Mlserlcordia de São Paulo, foi testada por um novo metodo de sensibilidade, o E- Test ( AB Blodlsk, Solna, Sweden ). Fitas contendo Ampicilina, Amplclllna Sulbactam, Cefoxitima, lmipenem, Cloranfenicol, Clindanu'cina e Metrinldazol foram testadas. As amostras foram divididas em tres grupos bacilos Gram positivos esporulados, bacilos Gram positivos nao esporulados e bacilos Gram negativos. As bacterias foram inoculadas em placas contendo o meio de Anaeroinsol-S (Probac, São Paulo, Brasil). As amostras foram lidas apos 48 horas. Dentre os antibioticos estudados a Ampicilina -Sulbactam, o Metronidazol e o Imipenen foram os mais ativos para os tres grupos de bacterias anaerobias. Detectamos resistencia importante para a Clindamicina e o Cloranfenicol para os tres grupos de bacterias anaerobias. A Ampicilina nao se mostrou ativa para os bacilos Gram negativos, sugerindo producao de B-lactamase por esse grupo bacteriano, enquanto todos foram sensiveis quando se associou o inibidor de B-lactamase Sulbactam. A Cefoxitina foi ativa contra os bacilos Gram negativos e Gram positivos nao esporulados, entretanto observamos resistencia de bacllos Gram positivos esporulados em 25 por cento . A metodologia do E-test mostrou-se de facil execucao e leitura para os tres grupos de bacterias podendo ser utilizada na rotina laboratorial
Palavra-chave Testes de Sensibilidade Microbiana
Bactérias Anaeróbias
Antibacterianos
Bacteriologia
Idioma Português
Data de publicação 1998
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1998. 90 p. ilustab.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 90 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16093

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta