Incidencia de fraturas do femur proximal em Marilia, São Paulo, Brasil, 1994 e 1995

Incidencia de fraturas do femur proximal em Marilia, São Paulo, Brasil, 1994 e 1995

Título alternativo Incidence of proximal fractures fractures in Marilia, Sap Paulo, Brazil, 1994 and 1995
Autor Komatsu, Ricardo Shoiti Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Determinar a incidencia (bruta, idade - especifica e idade - ajustada) de fraturas do femur proximal em zmarilia - SP, Brasil, em 1994 e 1995. Tipo de estudo: Coorte retrospectiva. Local: Tres hospitais gerais da cidade de Marilia - SP que tem Servico de Ortopedia e Traumatologia (Santa Casa e Hospital das Clinicas sao centros de atencao terciaria, e o Hospital Sao Francisco e um hospital secundario). Pacientes/participantes: Todos os pacientes admitidos com diagnostico de fratura do femur proximal (Classificacao Internacional de Doencas, 9 ed., codigo 820), habitantes de Marilia - SP, com 20 anos de idade ou mais, no periodo de 01 de janeiro de 1994 a 31 de dezembro de 1995. Principais medidas de desfecho: As taxas de incidencia de fraturas do femur proximal em Marilia. Medidas secundarias: media etaria de ocorrencia em homens e em mulheres, mortalidade intra - hospitalar, custos da internacao ao Sistema Unico de Saúde - S.U.S., o periodo medio de permanencia hospitalar, existencia ou nao de sazonalidade, periodo de tempo medio entre a internacao e o procedimento cirurgico, tipo de fratura: transcervical e pertrocanteriana, validade de conteudo do Sisatema de Informacoes Hospitalares do S.U.S para fraturas do femur proximal em Marilia - SP no periodo em estudo quando comparado aos registros hospitares. Resultados: A taxa de incidencia bruta foi de 4,96/10000 habitantes em 1994 a 5,51/10000 habitantes/ano em 1995; a taxa de incidencia idade - especifica aumentou de o,25/10000 habitantes com 20 a 49 anos e idade para 100,27/10000 habitantes com 70 anos de idade ou mais em 1995 entre as mulheres; a taxa de incidencia idade - especifica foi 29,48/10000 habitantes com 60 anos de idade ou mais em 1994, e 35,83/10000 habitantes com 60 anos de idade ou mais em l995. Conclusao: A taxa de incidencia bruta de fraturas do femur proximal em Marilia - SP foi significativamente maior entre as mulheres (7,2 / 10000 habitantes em 1994 e 8,6 /10000 habitantes em 1994 e 35,8 / 10000 habitantes em 1995)
Palavra-chave Fraturas do Fêmur
Epidemiologia
Osteoporose
Geriatria
Custos Hospitalares
Idioma Português
Data de publicação 1998
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1998. 99 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 99 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15685

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta