Estudo populacional da forca de preensão palmar com dinamômetro JAMAR®;

Estudo populacional da forca de preensão palmar com dinamômetro JAMAR®;

Autor Caporrino, Fabio Augusto Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Faloppa, Flávio Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O autor avaliou 800 individuos de ambos os sexos, 1600 membros superiores sem patologia que comprometesse a forca de preensao palmar. A forca de preensao palmar, medida atraves do dinamometro JAMAR®; ; foi correlacionada com as variaveis faixa etaria, sexo e dominancia e os resultados foram submetidos a analise estatistica. As conclusoes foram que a forca de preensao palmar e significativamente maior nos homens comparada com a das mulheres para todas as faixas etarias e ambos os lados. O lado dominante e mais forte que o nao dominante significativamente para ambos os sexos em todas as faixas etarias. A media geral da forca de preensao palmar para os homens, lado dominante foi de 44,2 Kgf e 40,5 Kgf para o lado nao dominante, com uma diferenca percentual media de 9,9%. A media geral de forca de preensao para as mulheres, lado dominante foi de 31,6 Kgf e 28,4 Kgf para o lado nao dominante, com uma diferenca percentual media de 11,8%
Palavra-chave Monoaminoxidase/cirurgia
Força da Mão
Idioma Português
Data de publicação 1997
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1997. 96 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 96 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15398

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta