Tradução para o português e validação do questionário genérico de avaliação de qualidade de vida medical outcomes study 36-item short-form health survey (SF-36)

Tradução para o português e validação do questionário genérico de avaliação de qualidade de vida medical outcomes study 36-item short-form health survey (SF-36)

Autor Ciconelli, Rozana Mesquita Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Ferraz, Marcos Bosi Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Ciências da Saúde Aplicadas à Reumatologia – São Paulo
Resumo O Medical Outcomes Short-Form Health Survey (SF-36) e uminstrumento de avaliacao generica de Saúde, originalmente criado na lingua inglesa, de facil administracao e compreensao. E constituido por 36 questoes, que abrangem oito componentes, capacidade funcional, aspectos fisicos, dor, estado geral da Saúde, vitalidade, aspectos sociais, aspectos emocionais e Saúde mental avaliadas por 35 questoes e mais uma questao comparativa entre a Saúde atual e a de um ano atras. O autor desenvolveu uma versao para a lingua portuguesa apos processo de traducao e adaptacao cultural e suas propriedades de medida, ou seja, reprodutibilidade e validade foram avaliadas em pacientes brasileiros portadores de artrite reumatoide. O questionario foi administrado por entrevistas, devido ao baixo nivel socio-economico e de analfabetismo dos nossos pacientes. Apenas duas questoes foram identificadas e modificadas na fase de adaptacao cultural. O tempo medio de administracao do questionario foi de 7 minutos. A avaliacao da reprodutibilidade intra e inter-observador do instrumento demonstrada pelo coeficiente de correlacao de Pearson foi satisfatoria e estatisticamente significante para os 8 componentes, variando de 0,4426 a 0,8468 e de 0,5542 a 0,8101, respectivamente. A avaliacao da validade construtiva tambem foi satisfatoria e estatisticamente significante, quando os componentes capacidade funcional, aspectos fisicos, dor e estado geral da Saúde, foram correlacionados aos parametros clinicos como numero de articulacoes dolorosas e edemaciadas, avaliacao de atividade da doenca pelo paciente e pelo medico e avaliacao da dor. Encontramos tambem correlacoes clinicamente importantes e estatisticamente significantes (p<0,01) para dimensoes similares entre o SF-36 e os questionarios HAQ, AIMS-2 e NHP. A versao para a lingua portuguesa do SF-36 e um parametro reprodutivel e valido para ser utilizado na avaliacao da qualidade de vida de pacientes brasileiros portadores de artrite reumatoide.
Palavra-chave Artrite Reumatoide
Qualidade de Vida
Idioma Português
Data de publicação 1997
Publicado em CICONELLI, Rozana Mesquita - Tradução para o português e validação do questionário genérico de avaliação de qualidade de vida “Medical Outcomes Study 36-Item Short-Form Health Survey (SF-36)”. São Paulo, 1997. 148 p. Tese (Doutorado em Medicina) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo. São Paulo, 1997.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 145 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15360

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Tese-3099.pdf
Tamanho: 2.267MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta