Da influência do sexo, da intensidade do estímulo e do perímetro cefálico nas latências da audiometria de tronco encefálico

Da influência do sexo, da intensidade do estímulo e do perímetro cefálico nas latências da audiometria de tronco encefálico

Autor El Hassan, Soraia Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Caovilla, Heloisa Helena Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O presente estudo foi realizado para avaliar a influencia das variacoes da intensidade do estimulo sonoro, do sexo e do perimetro cefalico nas latencias absolutas e interpicos da Audiometria do Tronco Encefalico. O estudo foi realizado atraves da estimulacao ipsilateral com click nao filtrado com intensidades decrescentes, em 40 individuos audiologicamente normais, sendo 20 do sexo masculino e 20 do sexo feminino. As ondas I, III e V e seus interpicos foram mensuradas em todas as intensidades onde estavam presentes. Os resultados mostram que as latencias absolutas e interpicos sao globalmente mais precoces no sexo feminino em todas as intensidades estudadas. As latencias absolutas variam com a intensidade do estimulo em ambos os sexos, o que nao foi observado com as latencias interpicos. Nao observamos correlacao entre o perimetro cefalico e as latencias das ondas do ABR
Palavra-chave Audiometria de resposta evocada
Sexo
Idioma Português
Financiador Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Data de publicação 1997
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1997. 83 f.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 83 f.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15252

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Restrito-15252.pdf
Tamanho: 875.6KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta