Perfis de isoformas de gp43 de Paracoccidioides brasiliensis: estudo sorológico e bioquímico

Perfis de isoformas de gp43 de Paracoccidioides brasiliensis: estudo sorológico e bioquímico

Autor Souza, Marta Cristina Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Camargo, Zoilo Pires de Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Recentemente, nosso grupo desenvolveu a tecnica imunoenzimatica de captura (ELISA de captura), usando anticorpos monoclonais (Mabs). Utilizando esta tecnica e dois Mabs que reconhecem epitopos diferentes na molecula de gp43 observamos diferencas de reatividade dos quatro perfis de isoformas, frente aos soros de PCM. Soros das formas aguda e cronica reagiram em graus variaveis frente ao Mab 17c. Para estabelecimento de um padrao comparativo, usamos o perfil de isoforma A, representado pela cepa B 339. Observamos que o perfil B (cepa S.S.), era mais reativo com 12 soros, 9 deles (3 de forma aguda e 6 de forma cronica) apresentaram aumento de 10% na reatividade e os 4 restantes apresentaram um aumento de 20 a 35%. Os perfis de isoformas com pIs similares (perfil A e D) nao apresentaram diferencas significativas quanto a reatividade. Quando analisamos o perfil de isoforma C (cepa l925), que apresentou um pI maior que 8.5, verificamos uma reducao significativa na reatividade. Observamos tambem que essa reducao era mais pronunciada quando testado frente a soros de pacientes com PCM, forma aguda (44% de reducao na reatividade) do que soros de pacientes com forma cronica (29% de reducao de reatividade). O mesmo ensaio de captura foi realizado com anticorpo monoclonal 8A, utilizando os mesmos soros de pacientes com PCM, Nao foram observadas diferencas na reatividade em nenhuma das isoformas, indicando que este monoclonal se liga a um diferente epitopo na molecula antigenica de gp43, expondo assim outros epitopos que devem ser comuns a todos os perfis de isoformas estudados
Palavra-chave Paracoccidioidomicose
Paracoccidioides
Glicoproteínas de Membrana
Testes Sorológicos
Paracoccidioidomycosis
Paracoccidioides
Membrane Glycoproteins
Serologic Tests
Idioma Português
Data de publicação 1997
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1997. 61 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 61 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15174

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta