Validade de um índice prognóstico para ocorrência de complicações pulmonares no pós-operatório de cirurgia abdominal alta

Validade de um índice prognóstico para ocorrência de complicações pulmonares no pós-operatório de cirurgia abdominal alta

Título alternativo Index for a pulmonary postoperative complication after upper abdominal surgery: a validation study
Autor Filardo, FlÁvia De Almeida Autor UNIFESP Google Scholar
Faresin, Sonia Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Fernandes, Ana Luisa Godoy Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJCTIVE: To validate a previous prognostic index (Pereira et al.) to postoperative pulmonary complication in elective upper abdominal surgery, and observe the risk factor for mortality in this population. METHODS: 283 patients were followed from pre to postoperative period. They were followed in a protocol including a clinical questionnaire, physical examination, thoracic radiogram and spirometry at pre operative period. The main variables measured were: clinical and functional subjects characteristics at pre operative, type of surgery, duration of surgery, time spent in intensive care unit and hospitalization and the occurrence of pulmonary complication. RESULTS: 69 patients had pulmonary complications (24.4%), in 87 events registered. These occurred because some patients had more than one complication. Pneumonia was the most freqüent event 34% (30/87) followed by atelectasis 24% (21/87), bronchoconstriction 17% (15/87), acute respiratory failure 13% (11/87), prolonged mechanical ventilation 9% (8/87) and bronchial infection 2% (2/87). The multiple logistic regression (MLR) showed the association between age above 56 years old (p = 0.0039); DS > 210 (p = 0.0044) and previous chronic pneumopathy (p = 0.0257) and postoperative pulmonary complication. The frequency of postoperative pulmonary complication observed in each categorical classis based on previous index (Pereira equation) did not differ statistically from the prognostic rate calculated, showing the validity of the prognostic index. When FEV1/FVC was included in MLR, the patients with VEF1/FVC<70% and DS> 210 minutes showed a statistically lower number of pulmonary postoperative compared with estimated by the previous Pereira index. The mortality analyses showed significant association with comorbidity, number of days in care unit and postoperative pulmonary complication, however in the MLR only postoperative pulmonary complication had a significant association with death (p = 0.003). CONCLUSIONS: The index based on Pereira equation is valid to estimate the prognosis of postoperative pulmonary complication after elective upper abdominal surgery. Age higher 56 years old, duration of surgery more than 210 minutes and pneumopathy are important markers of postoperative pulmonary complication. The only significant marker for mortality was the post operative pulmonary complication.

OBJETIVO: Observar se a freqüência de complicações pulmonares observadas no pós-operatório de cirurgia abdominal alta eletiva corresponde a freqüência estimada pelo índice prognóstico de Pereira et al Detectar fatores de risco implicados na mortalidade pós-operatória. MÉTODOS: 283 pacientes foram avaliados no pré-operatório por questionário clínico, exame físico, radiograma de tórax e espirometria. Ao final, calculou-se para cada paciente o risco de desenvolver complicações pulmonares pós-operatórias (CPP) segundo o índice prognóstico de Pereira et al. No período pós-operatório, registrou-se a ocorrência de complicações, a incidência e causa de óbitos bem como o tipo de cirurgia, a duração da mesma, o tempo de internação total e em unidade de terapia intensiva. RESULTADOS: 69 pacientes (24,4%) desenvolveram 87 CPP. Pneumonia foi a mais freqüente (30/87;34%), seguido por atelectasia (21/87;24%), broncoespasmo (15/87;17%), insuficiência respiratória aguda (11/87;13%), ventilação mecânica prolongada (8/87;9%) e infecção brônquica (2/87;2%). A análise univariada, seguida pela regressão logística, identificou como fatores de risco independentes para a ocorrência de CPP idade > 56 anos (p=0,0039), tempo cirúrgico > 210 minutos (p=0,0044) e pneumopatia crônica (p=0,0257). Ao comparar a freqüência de CPP que ocorreu em cada uma das oito categorias de risco com a freqüência estimada, não houve diferença estatisticamente significante entre nenhum dos grupos, quando utilizou-se como referência a idade do paciente, o tempo de cirurgia e a presença de pneumopatia crônica. Quando para o cálculo do risco utilizou-se a relação VEF1/CVF, houve diferença entre a freqüência estimada para ocorrência de CPP e a observada, para os pacientes pertencentes ao grupo com VEF1/CVF < 70%, tempo cirúrgico > 210 minutos e ausência de doença clínica. Constatou-se também, por análise univariada, que a presença de doença clínica associada à cirúrgica, o número de dias de internação em UTI e a ocorrência de CPP são fatores de risco independentes para ocorrência de óbito no pós-operatório. Após análise de regressão logística, somente a ocorrência de CPP (p=0,003) está associada significantemente com mortalidade pós-operatória. CONCLUSÕES: O índice prognóstico de Pereira et al. é válido para estimar o risco de ocorrência de CPP em pacientes submetidos à cirurgia abdominal alta eletiva. Idade > 56 anos, presença de pneumopatia crônica e tempo cirúrgico > 210 minutos se comportaram como fatores de risco independentes para a ocorrência de CPP, que, por sua vez, foi a única variável associada a maior ocorrência de mortalidade pós-operatória.
Palavra-chave Abdominal surgery
Risk factors
Morbidity and mortality
Abdome-cirurgia
Fatores de risco
Morbidade e mortalidade
Idioma Português
Data de publicação 2002-09-01
Publicado em Revista da Associação Médica Brasileira. Associação Médica Brasileira, v. 48, n. 3, p. 209-216, 2002.
ISSN 0104-4230 (Sherpa/Romeo)
Publicador Associação Médica Brasileira
Extensão 209-216
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0104-42302002000300032
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0104-42302002000300032 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/1515

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0104-42302002000300032.pdf
Tamanho: 86.56KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta