Prevalência de periodontite agressiva em adolescentes e adultos jovens do Vale do Paraíba

Prevalência de periodontite agressiva em adolescentes e adultos jovens do Vale do Paraíba

Título alternativo Prevalence of aggressive periodontitis in adolescents and young adults from Vale do Paraíba
Autor Cortelli, José Roberto Google Scholar
Cortelli, Sheila Cavalca Google Scholar
Pallos, Débora Autor UNIFESP Google Scholar
Jorge, Antonio Olavo Cardoso Google Scholar
Instituição Universidade de Taubaté Faculdade de Odontologia
Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo The aim of the present study was to determine the prevalence of localized and generalized aggressive periodontitis, as well as of incidental attachment loss, in a population of adolescents and young adults aging between 15 and 25 years (19.4 ± 3.44) from Vale do Paraíba - SP, who searched for general dental care at the Department of Dentistry, University of Taubaté, São Paulo. Six hundred patients, 244 male and 356 female subjects, were included in the studied sample. The periodontal status of this population was evaluated by measuring the depth of periodontal pockets, as well as attachment loss. The data were confirmed by means of radiographic examination. Measurements were performed in six sites per tooth. Ten subjects (1.66%) were diagnosed as having localized aggressive periodontitis, 2 males (aging 18.5 ± 2.12 years) and 8 females (aging 19.2 ± 3.91 years); 22 (3.66%) presented with generalized aggressive periodontitis, 6 males (aging 19.1 ± 3.06 years) and 16 females (aging 20.1 ± 2.71 years); and 86 individuals (14.3%) presented with incipient periodontitis, 29 males (aging 20.2 ± 2.87 years) and 57 females (aging 21.1 ± 2.79 years). There was a positive correlation between the female gender and the occurrence of periodontal disease.

O objetivo do presente estudo foi avaliar a prevalência de periodontite agressiva localizada, periodontite agressiva generalizada e periodontite incipiente em uma população de 15 a 25 anos de idade (19,4 ± 3,44) da região do Vale do Paraíba - SP que procuraram tratamento odontológico clínico geral no Departamento de Odontologia da Universidade de Taubaté, SP. Seiscentos pacientes, 244 do sexo masculino e 356 do sexo feminino, foram incluídos neste estudo. A condição periodontal da população estudada foi determinada em 6 sítios por dente por meio da avaliação das medidas de profundidade à sondagem e nível clínico de inserção, e confirmada por meio de exame radiográfico. Dez indivíduos (1,66%) apresentaram periodontite agressiva localizada, 2 do sexo masculino (18,5 ± 2,12) e 8 do sexo feminino (19,2 ± 3,91), 22 (3,66%) receberam diagnóstico de periodontite agressiva generalizada, sendo 6 do sexo masculino (19,1 ± 3,06) e 16 do sexo feminino (20,1 ± 2,71) e 86 (14,3%) foram diagnosticados com periodontite incipiente, 29 do sexo masculino (20,2 ± 2,87) e 57 do sexo feminino (21,1 ± 2,79). Houve correlação positiva entre sexo feminino e doença periodontal.
Palavra-chave Prevalence
Periodontitis
Adolescence
Adults
Prevalência
Periodontite
Adolescência
Adultos
Idioma Português
Data de publicação 2002-06-01
Publicado em Pesquisa Odontológica Brasileira. Sociedade Brasileira de Pesquisa Odontológica e Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo, v. 16, n. 2, p. 163-168, 2002.
ISSN 1517-7491 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Pesquisa Odontológica e Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo
Extensão 163-168
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1517-74912002000200012
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1517-74912002000200012 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/1440

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1517-74912002000200012.pdf
Tamanho: 423.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta