Estudo dos acidentes na infância em um pronto socorro pediátrico

Estudo dos acidentes na infância em um pronto socorro pediátrico

Título alternativo Study of accidents involving children assisted at an emergency ward
Estudio de los accidentes en la infancia y registrados en una unidad de urgencias pediátricas
Autor Filócomo, Fernanda Rocha Fodor Autor UNIFESP Google Scholar
Harada, Maria de Jesus C. Sousa Autor UNIFESP Google Scholar
Ohara, Conceição Vieira da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Pedreira, Mavilde da Luz Gonçalves Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo The aim of this study was identify cases of accidents victimizing children assisted at the emergence ward of a general hospital. Data were collected from January to March, 1999 through a protocol with variables related to the identification of the accidents as well as of the children. The sample in the study consisted of 890 children of whom 56.1% were males and 43.9% were females. The most prevalent accident was fall (46.9%), the age with a major incidence was between 7 and 11 years old, the parents were present to 43.4% of the cases. The children were discharged from hospital after being given care in 95.7% of the cases.

El objetivo de éste estudio fue el de identificar los accidentes infantiles registrados en una unidad de Urgencias Pediátricas (UUP). Los datos fueron recolectados en el periodo de Enero a Marzo de 1999, utilizando un cuestionario que contenía datos sobre la identificación del niño y del accidente. La población estuvo conformada por 942 niños y la muestra fue reducida para 890. Principales resultados: la faja etárea más afectada fue la de 7 a 11 anos, siendo 56,1% del sexo masculino y 43,9% femenino; el tipo de accidente más frecuente fue la caída (46,9%), los padres estaban presentes en 43,4% de los casos. En 95,7% de las ocurrencias, el niño recibió alta hospitalaria después de ser tendido.

O objetivo deste estudo foi identificar os acidentes na infância registrados em um pronto socorro infantil. Os dados foram coletados entre janeiro e março de 1999, através de um questionário contendo dados sobre a identificação da criança e do acidente. A população constou de 942 crianças e a amostra ficou reduzida para 890. Principais resultados: a faixa etária mais atingida foi de 7-11 anos, sendo 56,1% do sexo masculino e 43,9% feminino, o tipo de acidente mais freqüente foi queda (46,9%), os pais estavam presentes em 43,4% dos casos. Em 95,7% das ocorrências a criança recebeu alta hospitalar após o atendimento.
Palavra-chave accident prevention
accidents at home
pediatric nursing
prevenção de acidentes
acidentes domésticos
enfermagem pediátrica
Idioma Português
Data de publicação 2002-01-01
Publicado em Revista Latino-Americana de Enfermagem. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo, v. 10, n. 1, p. 41-47, 2002.
ISSN 0104-1169 (Sherpa/Romeo)
Publicador Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Extensão 41-47
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692002000100007
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0104-11692002000100007 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/1318

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0104-11692002000100007.pdf
Tamanho: 153.1KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta