Anterior capsule staining using 0.025% trypan blue in cataracts without red reflex

Anterior capsule staining using 0.025% trypan blue in cataracts without red reflex

Título alternativo Uso de azul tripano a 0,025% para corar a cápsula anterior em catarata sem reflexo
Autor Marback, Eduardo Ferrari Autor UNIFESP Google Scholar
Freitas, Lincoln Lemes de Autor UNIFESP Google Scholar
Fernandes, Fernanda Pelegrino Autor UNIFESP Google Scholar
Branco, Bruno Castelo Autor UNIFESP Google Scholar
Belfort, Rubens Junior Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Purpose: To describe the use of anterior capsule staining in cataracts without red reflex using a 0.025% trypan blue solution. Methods: Six eyes of 6 patients with cataracts without red reflex were submitted to phacoemulsification using a direct injection of 0.2 to 0.5 ml of 0.025% trypan blue in the anterior chamber previous to viscoelastic injection. All patients had an ophthalmologic examination prior to surgery, as well as pre and postoperative corneal endothelial cell count. Results: In all cases the capsule became stained with a faint blue color that enabled an adequate visibility of the flap during the continuous curvilinear anterior capsulotomy (CCC). There were no intra-or postoperative complications. The endothelial cell loss varied between 1.8% and 26.6% (mean 12.8%). Conclusion: Staining the anterior capsule with 0.025% trypan blue solution allows a good visibility of the capsular flap and facilitates the confection of CCC in cataracts without red reflex.

Objetivo: Relatar o uso de uma solução de azul tripano a 0,025% para corar a cápsula anterior em cataratas sem reflexo. Métodos: Seis olhos de 6 pacientes portadores de catarata sem reflexo foram submetidos à facoemulsificação com injeção direta de azul tripano a 0,025% na câmara anterior previamente à injeção de solução viscoelástica. Todos os pacientes tiveram exame oftalmológico prévio à cirurgia incluindo contagem de células endoteliais no pré-operatório e no 40º dia pós-operatório. Resultados: Em todos os casos a cápsula anterior adquiriu uma tonalidade azul clara que permitiu uma boa visibilidade e controle da progressão durante a capsulotomia curvilínea contínua (CCC). Não houve complicação intra ou pós-operatória. A perda endotelial variou entre 1,8% e 26,6% (média 12,8%). Conclusão: O uso de azul tripano a 0,025% para corar a cápsula anterior permite uma boa visibilidade do flap, facilitando a confecção da CCC em cataratas sem reflexo.
Palavra-chave Cataract
Cataract extraction
Lens capsule
Crystalline
Trypan blue
Dyes
Catarata
Extração de catarata
Cápsula do cristalino
cristalino
Corantes
Azul tripano
Capsulotomia
Idioma Inglês
Data de publicação 2001-08-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 64, n. 4, p. 333-335, 2001.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Publicador Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 333-335
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492001000400011
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492001000400011 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/1218

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27492001000400011.pdf
Tamanho: 149.9KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta