Torque na instalação de implantes dentais pós-transplante de fíbula microvascularizado

Torque na instalação de implantes dentais pós-transplante de fíbula microvascularizado

Título alternativo Torque in the installation of dental implants in posttransplant microvascularized fibula
Autor Maluf, Paulo Sérgio Zaidan Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Ferreira, Lydia Masako Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Cirurgia translacional – São Paulo
Resumo INTRODUCTION: The masticatory rehabilitation with dental implants has become, a therapeutic technique for edentulous patients. Techniques in dental implant are constantly perfected, as the torque to fix the cylinders in a bone, considered fundamental in the prognosis of success in bone integration. The reconstruction with microsurgical flaps, in facial bones, has been increasingly performed in patients to repair the post-surgical sequelae. For the complete functional rehabilitation of these patients, the installation of bone integrable implants is necessary. With the objective of supporting the dental prosthesis, but there are no studies that determine the necessary torque to the initial stabilization of these dental implants in bone revascularized transplants. OBJECTIVE: To measure torque in installation of titanium implants, fibula microrevascularized and consolidated, in reconstruction of maxilla and mandibula. METHODS: Twenty eight dental implants were installed in seven patients with surgical reconstructions in the maxila and mandibular by microsurgical flaps. At the time of the installation of the implants, torque for final stabilization was measured, whose data were tabulated and analyzed. RESULTS: The minimum torque for installation of the implants was of 20Ncm in 39,3% of the implants, and the maximum, of 45Ncm in 28,5%. CONCLUSION: The measure of torque in implants of titanium of fibula microrevascularized transplants, for maxilomandibular reconstruction, varied from 20 to 45Ncm, and no influence related to gender, to age group or to time of transplant has been observed.

INTRODUÇÃO: A reabilitação mastigatória com implantes dentais tornou-se, atualmente, uma terapêutica comum e necessária para pacientes edêntulos. Técnicas em implantodontia são aperfeiçoadas constantemente, dentre as quais o torque, para fixação dos cilindros de titânio em osso, considerado fundamental no prognóstico de sucesso da osteointegração. A reconstrução com retalhos microcirúrgicos, em ossos da face, tem sido cada vez mais realizadas em pacientes para reparação de sequelas pós-cirúrgicas. Para a completa reabilitação funcional desses pacientes é necessária a instalação de implantes osseointegráveis para o suporte de próteses dentais, mas inexistem pesquisas que determinem o torque necessário para estabilização inicial, desses implantes, em transplantes ósseos revascularizados. OBJETIVO: Mensurar o torque na instalação de implantes de titânio, em transplante de fíbula microrrevascularizado e consolidado, para reconstrução de maxila e mandíbula. MÉTODOS: Foram instalados 28 implantes dentais, em sete pacientes, com reconstrução cirúrgica em maxila e mandíbula por retalhos microcirúrgicos. No momento da instalação dos implantes mensurou-se o torque para estabilização final, cujos dados foram tabulados e analisados. RESULTADOS: O torque mínimo para instalação dos implantes foi de 20Ncm em 39,3% dos implantes, e o máximo de 45Ncm em 28,5%. CONCLUSÃO: A medida do torque no implante de titânio em transplante de fíbula microrrevascularizado, para reconstrução maxilomandibular, variou de 20 a 45Ncm, não tendo sido observada nenhuma influência relativamente ao gênero, à faixa etária e ao tempo de transplante.
Palavra-chave Osseointegração
Dental implants
Endosseous
Free tissue flaps
Implante dentário endo-ósseo
Implantes dentários
Osseointegration
Retalhos de tecido biológico
Tissue transplantation
Torque
Torque
Transplante de tecidos
Humans
Humanos
Idioma Português
Data de publicação 2011-04-27
Publicado em MALUF, Paulo Sérgio Zaidan. Torque na instalação de implantes dentais pós-transplante de fíbula microvascularizado. 2011. 149 f. Tese (Doutorado em Ciências) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo, São Paulo, 2011.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 149 f.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/10118

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-10118.pdf
Tamanho: 5.950MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta