Short-form 36 e escala de auto-estima Rosemberg- EPM/UNIFESP em paraplégicos com úlcera por pressão

Short-form 36 e escala de auto-estima Rosemberg- EPM/UNIFESP em paraplégicos com úlcera por pressão

Título alternativo Short-Form 36 and Self-Esteem Scale Rosemberg-EPM/ UNIFESP in paraplegics with pressure ulcers
Autor Lourenço, Lana Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Ferreira, Lydia Masako Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Cirurgia translacional - São Paulo
Resumo Introdução: A Lesão Medular Traumática está ent re as condições crônicas que causa incapacidades e consomem recursos na área de saúde. O indivíduo ao longo da vida produz signi ficantes perdas físicas, psicológicas e sócio-econômicas. A presença de úlcera por pressão (UP) é importante causa de alteração de qual idade de vida do paciente, agravando seu estado de saúde, aumentando o sofrimento e morbidade. Objetivo: Aval iar a qual idade de vida e a auto-est ima em paraplégicos com úlcera por pressão. Métodos: Estudo t ransversal , Cont rolado. A coleta de dados foi real izada por meio de inst rumento contendo dados demográficos e cl ínicos. A aval iação da qualidade de vida foi real izada pelo autor da pesquisa por meio do quest ionário genérico SF-36 e Escala de Auto-est ima Rosenberg – EPM/ UNIFESP. Part iciparam 120 paraplégicos por causas t raumát icas , 60 com úlcera por pressão no Grupo Estudo e 60 sem úlcera no Grupo Cont role. Para a anál ise foram ut il izados os Testes Qui-quadrado, Exato de Fisher e t de Student . Resultados: No Grupo Estudo, 93,3% eram do gênero mascul ino, média de 30,23 anos (DP=9,52) . Houve di ferença estat ística ent re os Grupos nos domínios do SF-36 Capacidade Funcional , Aspectos Fí sicos , Vi tal idade, Aspecto Emocionais com (p<0,0001), Aspectos Sociais (p<0,0013), Saúde Mental (p=0,0002), Dor (p=0,0002). Houve di ferença estat ística pelos resul tados obtidos na Escala de auto-est ima (p<0,001) ent re os grupos. Os valores de Al fa Cronbach do quest ionário SF-36 e da Escala de auto-est ima de Rosenberg EPM/UNIFESP foram a 0,79 e 0,74, respect ivamente. Conclusão: A presença de úlcera por pressão apresentaram impacto negat ivo na qual idade de vida e na auto-est ima de pacientes com LMT.

Background: Traumatic spinal cord injury is a chronic condition that cause disability and drain resources from the health sector. This condition will last for the patient’s lifetime, resulting in significant physical, psychological, social and economic consequences. Pressure ulcers are a major cause of reduction in quality of life, aggravating health conditions, and increasing suffering and morbidity. Objective: To evaluate health-related quality of life and self-esteem in paraplegic patients with pressure ulcers. Methods: This was a controlled crosssectional study. Sociodemographic and clinical data were obtained through a questionnaire. The evaluation of quality of life was performed by the first author of this paper using the generic Medical Outcomes Study 36-Item Short Form Health Survey questionnaire (SF-36) and the Rosenberg selfesteem/UNIFESP-EPM scale. A total of 120 patients with traumatic paraplegia were included in the sample, of which 60 had pressure ulcers and were assigned to the study group, and 60 had no pressure ulcers and were assigned to the control group. Statistical analysis was performed using the chi-square test, Fisher’s exact test, and Student’s t-test. Results: Of the 60 patients in the study group, 93.3% were men with a mean age of 30.23 years (standard deviation, 9.52 years). There were significant differences between groups in SF-36 scores on the physical functioning (p<0.0001), role physical (p<0.0001), vitality (p<0.0001), social functioning (p=0.0013), mental health (p=0.0002), bodily pain (p=0.0002), and role emotional (p<0.0001) subscales. There were also significant differences in self-esteem between groups (p<0.001). The Cronbach's alpha for the SF-36 questionnaire and Rosenberg selfesteem/UNIFESP-EPM scale was 0.79 and 0.74, respectively. Conclusion: Pressure ulcers had an adverse impact on the health-related quality of life and self-esteem of paraplegic patients
Palavra-chave Auto-imagem
Medula espinal
Paraplegia
Úlcera por pressão
Qualidade de vida
Idioma Português
Data de publicação 2010-04-28
Publicado em LOURENÇO, Lana. Short-form 36 e escala de auto-estima Rosemberg- EPM/UNIFESP em paraplégicos com úlcera por pressão. 2010.87 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2010.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 87 f.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/10081

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-10081.pdf
Tamanho: 1.484MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta