Residência Multiprofissional e a formação do nutricionista para o Programa Saúde da Família

Residência Multiprofissional e a formação do nutricionista para o Programa Saúde da Família

Título alternativo Multiprofessional Residency and training of the nutritionist for the Family Health Program
Autor Santos, Irani Gomes dos Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Devincenzi, Macarena Urrestarazu Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Introduction: The Multiprofessional Residencies in the Family Health emerges recently as a training and production of technologies of care, an important qualification for the SUS. In some residences, the Nutritionist is inserted, developing activities relevant to food and nutrition before the epidemiological profile of the Brazilian population. Objective: To Investigate the actions of the nutritionist in the Family Health Program and its formation from the Multidisciplinary Residency in Family Health. Methods: A Multiprofessional Residence in Health Family Program developed in 2005-2007 was the scene of the study, having as subject of the research egresses who developed their activities jointly the nutritionist/resident. The study is exploratory, descriptive, analytical, qualitative, cross-cut type, with the technique of data collection and semi-structured analysis of data from the analysis of content. All ethical procedures were followed and approval of the Research Ethics Committee and accepted / signed the Term of Free and Informed Consent by the interviewees. Results and discussions: The small insertion of nutritionist this strategy was considered one of the reasons for unclear understanding of their role by other professionals and by him/herself. However its specificity was valued based on their different look for situations turned to food and nutrition, to expand possibilities of scenarios of action, emphasizing health promotion and prevention. The multidisciplinary and interdisciplinary work increased that performance and the dynamics of the work established by the Family Health Program. The training of nutritionists, it was found that the multiprofessional experience emerged as a facilitator of this process providing the resident extended look from the daily interaction and exchange.Share information and experiences from different realities seeking remedy doubts and build a plan of work, despite the limited theoretical role of the action of the Nutritionist in this strategy, it was possible from the discussion between peers. The Residency as a program of post graduate provided strategies for differentiated learning in which tutors and preceptors were considered by some residents as facilitators in their training. The difficult points were also observed, in which the prior training of the Nutritionist focused on the specificity was considered difficult in this case, since the specificity of requirements comprises only part of that scenario. The reports indicate a shortage of professionals prepared to develop the role of facilitator/teacher added the insertion in a few scenarios learning, limiting the possibility of new interventions and discussions. Final considerations: The Multiprofessional Residency in Family Health is trying to reduce the gap between training and performance of Nutritionist, enabling closer to the assumptions that anchor this strategy, expanding its training process making it to exercise in practice the rules required in their professional profile.

Introdução: As Residências Multiprofissionais em Saúde da Família surgem recentemente como espaço de formação e produção de tecnologias do cuidado, importante para qualificação do SUS. Em algumas Residências, o nutricionista encontra-se inserido, desenvolvendo ações de alimentação e Nutrição relevantes diante do perfil epidemiológico da população brasileira. Objetivo: Investigar a atuação do nutricionista no Programa Saúde da Família e sua formação a partir da Residência Multiprofissional em Saúde da Família. Métodos: Um programa de Residência Multiprofissional em Saúde da Família desenvolvido em 2005-2007 foi cenário deste estudo, tendo como sujeitos da pesquisa egressos dessa residência que desenvolveram suas atividades juntamente com o nutricionista/residente. O estudo é exploratório, descritivo, analítico, qualitativo, corte tipo transversal, tendo como técnica de coleta de dados entrevista semiestruturada e a análise dos dados a partir da análise de conteúdo. Todos os procedimentos éticos foram seguidos, tendo aprovação dos Comitês de Ética em Pesquisa e aceite/assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido pelos entrevistados. Resultados e discussões: A pequena inserção do nutricionista nessa estratégia foi considerada um dos motivos para a compreensão pouco clara de sua atuação pelos demais profissionais e por ele próprio. No entanto, sua especificidade foi valorizada considerando seu olhar diferenciado para situações voltadas à alimentação e Nutrição, fazendo ampliar possibilidades de cenários de atuação, destacando ações de promoção e prevenção. O trabalho multiprofissional e interdisciplinar potencializou essa atuação, bem como a dinâmica do processo de trabalho instituído pelo Programa Saúde da Família. Quanto à formação do nutricionista, verificou-se que a vivência multiprofissional surgiu como facilitador desse processo, proporcionando ao residente olhar ampliado a partir da interação e trocas cotidianas. Compartilhar informação e vivências a partir de diferentes realidades buscando sanar dúvidas e construir um plano de trabalho, mesmo diante do limitado arcabouço teórico da atuação do nutricionista nessa estratégia, foi possível a partir da discussão entre pares. A Residência como um programa de pós-graduação proporcionou estratégias de aprendizagem diferenciadas, nas quais os preceptores e tutores foram considerados por alguns residentes como facilitadores em sua formação. Os pontos dificultadores também foram observados, nos quais a formação prévia do nutricionista voltada à especificidade foi considerada dificultador nesse processo, uma vez que a especificidade compõe apenas parte das necessidades desse cenário. Os relatos indicam a carência de profissionais preparados para desenvolver o papel de facilitador/docente somado à inserção em poucos cenários de aprendizagem, limitando a possibilidade de novas intervenções e discussões. Considerações finais: A Residência Multiprofissional em Saúde da Família vem tentando reduzir a lacuna entre a formação e atuação do nutricionista, possibilitando aproximação com as premissas que ancoram essa estratégia, ampliado seu processo de formação fazendo-o exercitar na prática os preceitos exigidos no seu perfil profissional.
Palavra-chave Internato e residência
Programa saúde da família
Saúde pública
Nutricionista
Nutritionist
Family health program
Estratégia saúde da família
Idioma Português
Data de publicação 2009-06-24
Publicado em SANTOS, Irani Gomes dos. Residência Multiprofissional e a formação do nutricionista para o Programa Saúde da Família. 2009. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2009.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 174 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/10040

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-12183.pdf
Tamanho: 1.131MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta